Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
Glamour Flirt

Do que é feita a água tônica?

quarta-feira, 2 de março de 2011

 http://1.bp.blogspot.com/_d8G4XidLfQY/THuavDAPaFI/AAAAAAAAAI0/d8_aeqluWhY/s1600/Brisa+Agua+T%C3%B3nica.JPG

Água com gás, açúcar e hidrocloreto de quinino, um sal. Sal? Isso mesmo, o que diferencia a água tônica dos outros refrigerantes é justamente o sal, que dá aquele gostinho amargo característico da tônica. O quinino, que compõe o sal usado na bebida, é uma das substâncias ministradas no tratamento da malária, o que leva muita gente a acreditar que a tônica pode ser ingerida como remédio. Mas isso é um tremendo engano, porque, além de a quantidade de quinino na tônica ser pequena demais para ter propriedades farmacológicas - o refrigerante tem 5 miligramas por litro, enquanto no tratamento da malária usa-se 1,5 grama por dia -, o quinino do remédio apresenta-se em uma composição diferente - em sulfato ou cloridrato, enquanto na tônica é hidrocloreto. Por isso, não existem restrições para o consumo da bebida nem mesmo por gestantes - o sulfato de quinino tem propriedades abortivas. Mas nem sempre foi assim. De fato, a tônica surgiu como um remédio e, justamente pela propriedade revigorante da mistura de água com quinino, ela recebeu esse nome. A mistura surgiu na Índia e tornou-se popular graças aos ingleses que viviam por lá - a Índia era colônia inglesa - e levaram a fórmula para as fábricas de refrigerantes da sua terra natal. A bebida foi patenteada em Londres, em 1858.


Fonte: Mundo Estranho

1 comment

Paulo Boarro disse...

Olá!
seguindo o blog!
Eu sempre ouvi falar na água tônica, mas nunca soube como era a formula.
abraços.
http://boarro.blogspot.com/

25 de março de 2011 16:23
Related Posts with Thumbnails